365 dias

há exatos 365 dias desembarcava no aeroporto de Congonhas. dessa vez, não mais para passar uns dias, mas na viagem que acabaria com minhas vindas mensais pra São Paulo. dia 3 de fevereiro de 2018 São Paulo começava a virar lar. como eu escrevi aqui quase um ano atrás, escolher vir pra São Paulo foi natural, fácil… mas vir não foi. eu sou péssima em despedidas e comecei um movimento muito denso e desgastante: estar fisicamente presente, mas com minha energia voltada pra outro lugar.

e aí eu cheguei. os primeiros meses foram insanos, nunca faltavam cervejas e vinhos, saí da casa em que morava sozinha pra morar com uma amiga pela primeira vez, curti meu primeiro carnaval de rua, um rolê atrás do outro, a empolgação com o novo, o deslumbramento com tanto. o que fazer com tanta liberdade e possibilidade, né?! conheci muita gente, muitos lugares, novas bandas, novos sons, sonhos, desejos, gostos, sensações. e aí o tempo foi passando, a energia foi se equilibrando, as coisas foram começando a ser significadas e ressignificadas. comecei a estar mais presente, comecei a me conectar.

foi um dos anos mais difíceis da vida, foi meu retorno de saturno. nele eu ressignifiquei a solidão, nele eu me perdi, me desesperei, me desrespeitei, olhei pro meu passado, pros meus traumas, feridas, dores, arrependimentos (?), medos, quis desistir. nele eu entrei em pânico, me desestabilizei, senti muita raiva (olha o presidente eleito, né?!), me decepcionei – comigo e com o outro. nesse ano eu fui acolhida, por mim e pelo outro. nesses 365 dias morando em São Paulo me (re)conheci, me dei novas chances, possibilidades, me permiti, me respeitei, me perdoei, revi meu olhar pra mim e pro outro, olhei pro presente, mudei de lugar internamente várias vezes, acolhi, fiquei em paz, senti muito amor, decidi começar a viver. foi um ano de ressignificar.

365 dias depois, estou um tanto nostálgica, esperando chegar o 3 de fevereiro de 2019, como se fosse meu ano novo paulista, meu impulso de recomeço (dessas minhas crenças bobas que me fortalecem). minha vida deu uma virada de 365 mesmo. esse novo ano começa com mudança pra casa nova e com essa mudança em andamento, já vieram novos ciclos, trabalhos, pessoas, projetos, desejos. engraçado parar agora e ver como mudaram os meus quereres em um ano, como mudaram minhas perspectivas, como mudaram… todas as julianas que sou. grata, universo.

nesses 365 dias, São Paulo se fez lar. me sinto filha de pais separados que tem lugar pra si na casa dos dois. João Pessoa e São Paulo são tão diferentes que, na minha última ida ao paraíso que eu morava e agora passo férias, quando me perguntavam “João Pessoa ou São Paulo?” eu só sorria e me sentia grata por ambos, por poder estar. meu maior pedido pra 2019 foi que eu pudesse estar onde meu corpo está. estou. que eu possa continuar sendo e estando, comigo ou com o outro, aqui ou aí. que eu possa continuar me sentindo grata e preenchida como me sinto agora.

sou muito grata a cada pessoa que fez parte desse ciclo. grata aos que chegaram e ficaram em mim, grata aos que passaram. grata aos que trocaram afetos, aos que trocaram abraços, aos que trocaram olhares, aos que trocaram palavras, aos que trocaram tempo, aos que trocaram presença, aos que trocaram ausência. grata aos que estiveram fisicamente presentes e aos que se fizeram presentes estando fisicamente ausentes.

grata SP. grata por me deixar descobrir quanto amor existe em você.

Processed with VSCO with m5 preset

“me apaixonei por essa vista à primeira vista. não imaginei que continuaria me apaixonando por ela todos os dias, nesses 365 dias de SP. em tantos dias intensos e insanos, foi aí que achei a leveza e calmaria que estavam perdidas de mim, em mim. grata por esse ano louco, SP. que venha o próximo.”
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s