Big Apple: eu nos anos 90

No post passado contei pra vocês que to fazendo parte do grupo mais legal da blogsfera, Discípulas de Carrie. Julho veio cheio de temas legais e, depois da CosmoTAG, cheguei com minha Big Apple, que tem como proposta postar uma foto na década de 90.

Captura de Tela 2015-07-24 às 15.11.33
Eu, Juliana R., 2 anos, terror dos fotógrafos de 3×4.

Essa foi minha primeira 3×4, provavelmente tirada em 1991, quando eu tinha dois anos. Nunca gostei de 3×4 (verdade válida até hoje) e pela minha cara na foto vocês podem ver quando tudo começou, né? Imaginem o que era para uma criança de 2 anos não poder mover a cabeça – que foi milimetricamente parada nessa posição -, não poder piscar os olhos e não poder sorrir para uma foto. Que tipo de pessoa diz pra uma criança não sorrir para uma foto? Muito contraditório e desconfortável, minha expressão é prova disso.

11230605_925443270811805_1188031399676317210_o

CosmoTAG: As 5 melhores coisas dos anos 90

Aí você me pergunta: O que é uma CosmoTAG?. E eu te respondo: Nós agora temos um grupo de blogueiras-amigas, as Discípulas de Carrie. Como boas fãs de Sex and the city, honramos os Cosmopolitans que Carrie tomava com Samantha, Miranda e Charlotte e não poderíamos ter nomeado de outra forma nossa tag mensal.

Esse mês a proposta é listar as 5 melhores coisas dos anos 90 e se você, como eu, passou sua infância e começo da adolescência nessa década, sabe que é MUITO difícil escolher só 5 coisas. Gente, quanto mais eu lembro, mais coisas querem entrar nessa lista. São tantas coisas incríveis, que eu descobri amar a década de 90 como nunca amei ninguém. Deixando muitos amores de fora, vamos ao meu TOP 5 anos 90.

1. Sandy e Junior

Eu sempre fui alucinada por música e preciso dizer pra vocês que foi assim que tudo começou. Eu era louca por Sandy & Junior, não apenas tinha todos os CDs, como sabia todas as músicas decoradas, tinha todas as revistas em que eles apareciam (outra saudade: Capricho) e minha primeira vez num show foi pra ver quem? quem? Sandy e Junior, claro. Nessa época o CD da vez era “Você é D+!” com várias músicas que marcaram minha infância (e sim, eu cantava músicas de amor como se realmente soubesse do que tava falando).

Outras maravilhas musicais como Spice Girls e Backstreet Boys (não, eu não ouvia ‘N Synk e não fazia ideia do potencial que Justin teria depois de alguns anos) foram partes importantes da minha vida nos anos 90, mas tudo começou com Sandy e seu irmão mais novo – que eu achei por uns bons anos que era namorado (afinal, eles cantavam músicas de amor juntos) – quando eu tinha uns 4 ou 5 anos.Então, fazendo todo o diferencial na minha vida e no meu gosto musical, o primeiro lugar fica com Sandy & Junior e especialmente com Junior dançando “O universo precisa de vocês”, que falava sobre Power Rangers (mais nostalgia).

2. mIRC
Então… o mIRC. Como bem disse minha amiga Bru, nunca existiu nada mais legal pra bater papo do que o mIRC! Nessa época a internet era discada e minha mãe não amava o mIRC tanto quanto eu, já que depois dele as contas de telefone lá de casa tiveram um pequeno aumento. Acontece que o mIRC precedeu todas essas redes sociais que usamos hoje em dia e, mesmo ele sendo velhinho, quase um bisavô do facebook, eu sinto falta dele.

Na época eu usava o nick |^JuLy^| (porque sim, as pessoas podiam enfeitar seus nicks) e meu canais preferidos eram o #jampa (canal da cidade onde muitas vezes fui +|^JuLy^| (era voice do canal mais bombante da cidade porque minha tia era @ – OP), #feirinha e #sobrinhos. Tiveram outros canais que passaram pela minha vida, mas esses três eram os principais.Saudades também do ScoopScript com todas as suas frases de efeito, do PowerPuffGirls com todas as suas cores e de todos as zilhões de variações do mIRC que eu tive, porque eu era viciada sim. Aproveito e deixo aqui a campanha #voltamirc, porque o facebook tá muito chato.

3. Disk MTV
Nos anos 90 a MTV era meu canal preferido. Já falei que eu era louca por música desde criança, então, tá explicado, né?! Dentre os muitos programas da MTV que fizeram parte da minha vida, o que mais marcou foi o Disk MTV, porque eu adorava ver os clipes e ficava por dentro de tudo que tava rolando na cena musical mundial. O programa era exibido de segunda à sexta, às 18h, o que quer dizer que eu chegava da escola, pegava um sanduíche ou toddynho e ninguém me tirava da frente da TV até que eu visse o clipe que estava em primeiro lugar. Se você nunca viu o Disk MTV, clicaqui.

O Disk teve várias apresentadoras e dentre todas, a minha preferida sempre foi Sabrina Parlatore. Gente, que saudade. Cabô Disk, cabô MTV, não tá fácil.

4. Super NintendoApenas o melhor videogame da vida com os melhores jogos! Nunca farão nada como o Super Nintendo, jogar Super Mario no Wii nunca será igual a usar o controle do Super Nintendo que se adequava perfeitamente ao tamanho e formato das minhas mãos.

O Super Nintendo não foi meu primeiro videogame, o primeiro foi o Master System, da SEGA, que vinha com Alex Kid (que eu adorava). Mas depois do Super Nintendo, tudo mudou e eu nunca mais quis outro videogame na vida… e isso é válido até hoje. Temos um playstation em casa e eu… não me importo. Tinha um Wii em casa e também não me importava. O único videogame da vida que me fez brigar por ele ou entrar na fila pra jogar foi o Super Nintendo e ele nunca será superado, nem esquecido!

5. Musicais da DisneyNos anos 90 tivemos nada menos que Bernardo e Bianca, A Bela e a Fera, Aladdin, O Rei Leão, Pocahontas, Toy Story, O Corcunda de Notre Dame, Hércules, O Natal Encantado da Bela e a Fera, Mulan e mais um monte de coisas legais que a Disney fez, mas que eu não lembro. Isso quer dizer que a década de 90 foi, oficialmente, a década em que mais vi filme (ou desenho, chame como quiser) na vida!

Quis a biblioteca da Bela, quis a árvore-avó da Pocahontas, quis ter bonecos vivos, chorei quando o pai de Simba morreu, quis voar no tapete do Aladdin, quis ser Mégara em Hércules, quis ir pra guerra com Mulan e terminar com o bonitão, quis muitas coisas que só a Disney desperta em você. Quis muitas coisas e o que consegui foi decorar todas as letras das músicas desses filmes e foi daí que nasceu o amor verdadeiro pela Disney que me acompanha até hoje.

Obviamente faltaram muitas coisas legais por aqui – como algumas gordices (KinderOvo, chocolate da Mônica, …) -, então me ajudem na sessão nostalgia e me contem qual era a melhor coisas dos anos 90 pra vocês.Discípulas-de-Carrie-Banner