Gilmore Girls #2

Netflix, eu te amo! Seria um ótimo nome para esse post. Foi minha segunda opção, mas preferi deixar mais óbvio o real assunto que me traz aqui.

Quem visita isso aqui ou me conhece sem conhecer o blog, sabe que eu sou LOUCA por Gilmore Girls. Está facilmente entre as minha séries preferidas, com grandes chances de ser A grande escolhida no meu coração.Há algumas semanas terminei de assistir a última temporada de Gilmore Girls. Fiquei orfã. Foi um ciclo que começou na minha adolescência e depois de tantos anos se fechou. Comecei a assistir GG em 2005 (lá se vão 10 anos, gent), mas fiquei no meio do caminho e esse ano resolvi voltar ao primeiro episódio e ver tudo bonitinho, como um bom viciado em série deve fazer.

Depois que terminei a 7ª temporada de Gilmore Girls… fiquei orfã.Embora tenha sido adotada por outra série maravilhosa – How To Get Away With Murder (assunto para outro post) -, continuei com meu vazio existencial de fins de séries incríveis (que não foram cagadas no meio do caminho, amém!). Daí ontem (chegamos ao motivo desse post) a Kaka linda do Eu Suspiro me manda esse link também lindo, que me conta que a Netflix está negociando a produção de 4 novos episódios de Gilmore Girls, com 90 minutos cada. Meu coração já está fazendo turuturuturu e o dia 19 acaba de ser eleito o mais lindo do meu mês (porque tive outra notícia maravilinda, nesse mesmo nível).Só queria compartilhar essa notícia maravilhosa com vocês e agora vou tomar um café pra comemorar que em breve (por favor, Netflix, não me decepcione) voltarei a tomar cafés com Lorelai e Rory. ❤

Grey’s Anatomy

★★★★★

Hoje tem mais drama, mais emoção e mais série aqui no CLBS. Hoje tem Grey’s Anatomy! Esta é uma série que me cativou desde o Pilot e fazendo jus ao nome do blog, literalmente bebi 9 temporadas em pouco mais de um mês.

greys_anatomy

Grey’s Anatomy é um drama médico que está no ar desde 2005, mas como nem só de drama vive o homem por aqui tem de tudo, romance, comédia e muita emoção.

A trama da série foca em Meredith Grey e em seus colegas: Cristina, Izzie, George e Alex, todos integrantes do programa de internos do fictício hospital cirúrgico Seattle Grace, em Seattle, Washington, um dos programas mais rígidos do país. Mostrando suas vidas amorosas e as dificuldades pelas quais passam no trabalho.

Grey+Anatomy+Grey+Anatomy+Season+1+Episode+wyvs-l9G_Wjl

Meredith é filha da renomeada cirurgiã Ellis Grey e vive em meio a dramas pessoais e problemas com a mãe, Cristina é a interna durona, muito competente e sem sentimentalismo, Izzie é a que pagou a faculdade de medicina fazendo trabalhos como modelo e sempre se envolve demais com os pacientes, George é o menino bonzinho, sempre certinho e que não se dá tão bem com as mulheres, já o Alex é o odiado por todos, sarcástico e arrogante.

É interessante ver as peculiaridades de cada personagem, como evoluem durante a trama, seus sucessos e fracassos, a maneira como os quatro colegas – tão diferentes – se tornam melhores amigos. Sem falar dos casos médicos que aparecem na série (muito bem feitos por sinal), casos raros, cirurgias de tirar o fôlego, é um deleite para os curiosos – assim como eu 😀 – que curtem ver coisas da medicina.

08

A série tem várias coisas que eu poderia destacar, então escolhi algumas delas:

Personagens apaixonantes:

Cristina Yang a interna mais talentosa, vista por seus colegas como uma máquina sem sentimentos cujo objetivo é ser uma das maiores cirurgiãs do país. Com seu temperamento difícil ela cativa a todos, é bom demais ver a evolução dessa personagem ao longo das temporadas, como ela se torna exemplo para os novos internos e colegas de trabalho, sua relação com os amigos e seus amores turbulentos.

Miranda Bailey, apelidada de “Nazista” por sua rigidez e dureza com os alunos, é a residente mais carismática de todas, que por trás de toda rigidez se mostra uma pessoa sensível e justa. Além de ensinar medicina a seus internos, ensina valores, humanidade.

greys_anatomy_f_015

E como não falar da trilha sonora dessa série?! Que é simplesmente linda!

Outro ponto que eu acho simplesmente demais é que no fim de cada episódio além da música tem uma reflexão, como se fosse a “moral” da história do episódio.

E como nem tudo são flores, têm algumas coisas que não gostei na série. Uma delas é o final de alguns personagens, tudo bem que eles saíssem da série e tal, mas podiam ter feito um final digno da importância que o personagem teve na série até o memento.

Grey’s Anatomy tem como criadora Shonda Rhimes e possui 10 temporadas, com a 11ª já confirmada. Como a série é longa o elenco principal foi se modificando ao longo das temporadas e inicialmente conta com: Ellen Pompeo (Drª. Meredith Grey); Sandra Oh (Drª. Cristina Yang); Chandra Wilson (Drª. Miranda Bailey); T. R. Knight (Dr. George O”Malley); Justin Chambers (Dr. Alex Karev); Katherine Heigl (Drª. Isobel “Izzie” Stevens); James Pickens Jr. (Dr. Richard Webber); Patrick Dempsey (Dr. Derek Shepherd) e Isaiah Washington (Dr. Preston Burke).

É uma série pra quem gosta de medicina, pra quem é só curioso, pra quem gosta de drama e reflexões sobre coisas reais do cotidiano, Grey’s Anatomy é uma série apaixonantemente interessante e apesar das últimas temporadas não serem tão boas quanto as primeiras, vale muito a pena assistir todas (se é que alguém vai conseguir parar depois de começar kkk).

É isso, divirtam-se com ela!

:-*

The Vampire Diaries

★★★★

Mais uma série por aqui, mais um amor à primeira vista. Sempre tive a impressão que The Vampire Diaries era uma dessas séries “bobas”, mas como tenho um fraco por vampiros, resolvi fazer o teste e eis o resultado: amor. Não consegui mais parar, sofri com cada season finale e esperei arduamente os séculos que parecem durar o intervalo entre uma temporada e outra.

Imagem

The Vampire Diaries foi lançada em 2010 e misturando drama, suspense e um bocado de romance, conta uma série de eventos que acontecem na cidade fictícia de Mystic Falls. A série foca no triângulo amoroso formado por Elena Gilbert e os irmãos Salvatore.

Elena é uma adolescente popular, que ainda está lidando com o trágico acidente que matou seus pais e do qual apenas ela saiu viva; Stefan Salvatore é o vampiro “politicamente correto”, enquanto Damon Salvatore é o seu oposto. Os dois irmãos vivem em pé de guerra e tem pontos de vista bem divergentes sobre “ser vampiro”. O que Elena não sabe, é que ela chama atenção dos dois por ter uma enorme semelhança com Katherine, um amor que eles tiveram no passado.

Alguns momentos da série foram difíceis pra mim – como heroísmos exagerados e todo mundo vivendo em função de Elena -, mas entre vampiros, cópias, lobisomens, híbridos, bruxas, originais, âncoras, anéis mágicos, humanos e muitas garrafas de bebida, tem sempre algo (ou alguém) novo pra você odiar ou se apaixonar.

Imagem

Destaques:

os irmãos Salvatore, porque… né?! Por conta das personalidades opostas, às vezes fica difícil saber de quem gostar mais e a torcida varia muito no decorrer da série.

Imagem

Imagem

Os híbridos. Na série lobisomens podem ser transformados em híbridos, virando vampiros e lobisomens ao mesmo tempo.

Aceitando minha grande inclinação pelo sobrenatural, a união das histórias de vampiros, lobos e bruxas também é muito legal.

Klaus e sua cara de pau força de vontade.

Imagem

The Vampire Diaries foi criada por Marcos Siega, Liz Friedlander e Kevin Bray, tem como roteiristas Julie Plec, L. J. Smith, Kevin Williamson, Brian Young, e foi baseada nos livros de L. J. Smith. O elenco principal conta com Nina Dobrev (Elena Gilbert), Paul Wesley (Stefan Salvatore), Ian Somerhalder (Damon Salvatore), Steven R. McQueen (Jeremy Gilbert), Katerina Graham (Bonnie Bennett), Candice Accola (Caroline Forbes), Zach Roerig (Matt Donovan) e Michael Trevino (Tyler Lockwood).

Até o momento são 5 temporadas, com uma média de 22 episódios em cada, e a 6ª temporada já está confirmada! 😀

Pra quem já viu todas as temporadas, compartilhem o sofrimento da season finale da 5ª temporada, por favor! Pra quem não viu, corre que ainda dá tempo!

*=