CosmoTAG: 5 personagens de livros para ser amiga

Em abril, o grupo Discípulas de Carrie lançou essa CosmoTAG, mas como estava ausente dessa vida, resolvi responder agora. Atrasada sim, mas quem se importa?

Todos os livros que realmente gosto contam com o fato de eu ter me envolvido emocionalmente com um ou mais personagens. Sempre tem um amor platônico, alguém pra quem preciso dizer umas verdades, alguém que quero socar a cara, puxar a orelha ou que quero abraçar e dizer “vem cá, migs”. É esse post é sobre essas últimas pessoinhas.

1. Eleanor
Quando fiz esse post falando sobre Eleanor & Park, falei que queria ser amiga da Eleanor. Queria mesmo. Queria dar um abraço nela e dizer que tudo ia ficar bem. Sofri as dores dela, torci por ela e Park, e chorei até desidratar no final. Eleanor, miga, vem cá, senta aqui, vamos conversar.

2. Auggie
Extraordinário é um dos meus livros preferidos da vida e 90% disso é culpa do Auggie. Que personagem maravilhoso

3. Emma
Sim, claro, com certeza. Um dia também está na minha lista de queridinhos e se eu quis TANTO esculhambar Dexter, foi pela amizade que eu obviamente tinha com Emma. O tanto que eu chorei no final daquele livro, também tem uma relação óbvia com essa amizade.

4. Louisa Clark
Se alguém leu Como eu era antes de você e não terminou miga da Lou, precisa rever isso aí. Eu já a adorava no livro, depois do filme então… amiga pra vida toda. Até hoje não superei aquele final, não aceitei nada do que aconteceu e vou passar o resto da vida esperando um final diferente, mesmo depois de ler Depois de você. Lou, miga, vamos conversar ali em Paris.

5. Laurel
Em Cartas de amor aos mortos, assim como em Eleanor & Park, foi um apego tão forte que sofri junto, me apaixonei junto, detestei junto e, Laurel, senta aqui, comigo e com Eleanor, vamos conversar.

Quero saber os personagens que vocês gostariam de ser amigs também. Quem sabe não acho umas novas amizades literárias por indicação?!

13333013_1103241236365340_7159263438347960248_n

CosmoTag: 5 livros, séries e filmes pra 2016

Feliz 2016, pessoas! (;

Já vou começar o ano novo com CosmoTag, porque os temas de janeiro das Discípulas de Carrie estão demais! É super comum rolar um planejamento no final/começo do ano, mas nessa troca de 2015 pra 2016, não fiz nada, nadinha (como falei no último post), então vou fazer meu primeiro planejamento real para esse ano que chegou, que consiste em 5 livros que vou ler, 5 séries e 5 filmes que vou assistir.

Livros

1. Mosquitolândia
Ganhei Mosquitolândia de presente no meu aniversário e o livro me ganhou pela capa (pra variar). Em breve tem resenha dele por aqui.

2. Morangos Mofados
Depois de tanto ler pequenos trechos e textos de Caio Fernando Abreu, resolvi criar vergonha na cara e comprar um livro dele. Morangos Mofados tem uma capa linda (então, né?!), daquelas que te convidam pra leitura com uma xícara de café.

3. Auggie & Eu
Quem leu Extraordinário deve ter ficado tão louco quanto eu, ao saber que R. J. Palacio lançou um livro com três histórias paralelas a de Auggie. Assim que vi, trouxe pra casa e, bem, a resenha dele sai ainda esse mês.

4. A garota no trem
Tava fazendo uma feira no site da amazon e fiquei super curiosa com a história desse livro. Depois de ter colocado e tirado do carrinho 3 vezes, ele veio e tá ali na estante me esperando.

5. O dia do Curinga
Li O dia do Curinga na adolescência e adorei. Foi indicação de uma colega da escola – que me emprestou na época – e virou um dos meus livros preferidos. 10 anos depois, resolvi ter um pra chamar de meu e ver o efeito dele na minha versão adulta. Vai ter resenha sim. Quando? Não sei.IMG_5103

Filmes

1. Quem é você, Alasca?
Como não estar louca por esse filme depois de ler o livro?

2. Os 8 odiados
Porque é Tarantino.

3. Como eu era antes de você
Comecei o livro hoje e todo mundo fala muito bem da Jojo.

4. Alice através do espelho
Chapeleiro ❤

5. Star Wars: Episódio VIII
Me esperem na pré-estréia.

Séries

Enquanto escrevo, meu uTorrent está trabalhando nos primeiros episódios de:

1. My mad fat diary
Alguém postou uma cena dessa série no facebook e fiquei muito interessada no assunto. Virou torrent.

2. The Blacklist
Metade das pessoas que eu conheço ficam falando que é sensacional e que eu preciso ver e que é muito boa… enfim, virou torrent também.

3. Downton Abbey
A Kaka e a Bru vivem falando sobre essa série no whatsapp e eu demorei, mas me rendi. Vai ter Downton Abbey sim.

4. Daredevil
Marvel, né? Que mais precisa ser dito?

5. House of Cards
Mesmo motivo do item 2. As pessoas precisam parar de me indicar séries. Sério, gente, como vou me formar assim? IMG_5104

E aí? Quais livros, filmes e séries vocês tão se prometendo pra 2016?11230605_925443270811805_1188031399676317210_o

CosmoTAG: 5 coisas favoritas de quando eu era criança

Quem passou mais de um mês desaparecida levanta a mão: \o/
Desculpa gente, mas essa coisa de último ano de curso é extremamente cansativa e depois de passar dias e dias escrevendo a monografia, não dá a mínima vontade de escrever qualquer outra coisa. Explicado meu sumiço anterior (e o futuro também), vamos ao post de hoje.

As Discípulas lindas de Carrie escolheram falar sobre a infância nesse mês de Outubro e é com a CosmoTAG que eu volto a blogsfera. Então vamos as 5 coisas favoritas de quando eu era criança.

  1. Amarelinha
    Eu amava brincar de amarelinha. Acho que de todas as brincadeiras da minha época (sintoma de velhice), amarelinha era a minha preferida e por isso vem aqui dar destaque para todas as brincadeiras dos anos 90 que não incluíam absolutamente nada digital.
  2. Wítch
    Acho que a Wítch foi a primeira revista que eu escolhi ler e preciso dizer que, mesmo sendo uma pirralha, ficava muito chateada por colocarem um monte de mimimis e reservarem tão pouco espaço para os quadrinhos em si. A-ma-va os brindes, os quadrinhos e queria muito ser a Will.
  3. Filmes da Disney
    Achei injusto escolher só um, embora Bernardo e Bianca tenha marcado minha infância, não posso deixar de fora A Bela e a Fera, Branca de Neve, Cinderella, Mogli, Pocahontas, Hércules, dentre tantos outros que fizeram a minha infância mais feliz e musical.
  4. TV Colosso
    Apenas o melhor programa da televisão brasileira. Saudades.

5. Kinder OVO
Acho que nunca vou aceitar que acabaram com aquele chocolate maravilhoso e com aquelas surpresas incríveis. Gente, sério, aquilo é que eram surpresas! Tive vários brinquedinhos super divertidos, além de estatuetas super bem feitas e tudo junto com um chocolate delícia. O que mais uma criança podia querer?

Dentre outras tantas, essas 5 coisas tem lugares especiais reservados para todo o sempre no meu coração. Elas também fizeram parte da infância de vocês? 
11230605_925443270811805_1188031399676317210_o

CosmoTAG: As 5 melhores coisas dos anos 90

Aí você me pergunta: O que é uma CosmoTAG?. E eu te respondo: Nós agora temos um grupo de blogueiras-amigas, as Discípulas de Carrie. Como boas fãs de Sex and the city, honramos os Cosmopolitans que Carrie tomava com Samantha, Miranda e Charlotte e não poderíamos ter nomeado de outra forma nossa tag mensal.

Esse mês a proposta é listar as 5 melhores coisas dos anos 90 e se você, como eu, passou sua infância e começo da adolescência nessa década, sabe que é MUITO difícil escolher só 5 coisas. Gente, quanto mais eu lembro, mais coisas querem entrar nessa lista. São tantas coisas incríveis, que eu descobri amar a década de 90 como nunca amei ninguém. Deixando muitos amores de fora, vamos ao meu TOP 5 anos 90.

1. Sandy e Junior

Eu sempre fui alucinada por música e preciso dizer pra vocês que foi assim que tudo começou. Eu era louca por Sandy & Junior, não apenas tinha todos os CDs, como sabia todas as músicas decoradas, tinha todas as revistas em que eles apareciam (outra saudade: Capricho) e minha primeira vez num show foi pra ver quem? quem? Sandy e Junior, claro. Nessa época o CD da vez era “Você é D+!” com várias músicas que marcaram minha infância (e sim, eu cantava músicas de amor como se realmente soubesse do que tava falando).

Outras maravilhas musicais como Spice Girls e Backstreet Boys (não, eu não ouvia ‘N Synk e não fazia ideia do potencial que Justin teria depois de alguns anos) foram partes importantes da minha vida nos anos 90, mas tudo começou com Sandy e seu irmão mais novo – que eu achei por uns bons anos que era namorado (afinal, eles cantavam músicas de amor juntos) – quando eu tinha uns 4 ou 5 anos.Então, fazendo todo o diferencial na minha vida e no meu gosto musical, o primeiro lugar fica com Sandy & Junior e especialmente com Junior dançando “O universo precisa de vocês”, que falava sobre Power Rangers (mais nostalgia).

2. mIRC
Então… o mIRC. Como bem disse minha amiga Bru, nunca existiu nada mais legal pra bater papo do que o mIRC! Nessa época a internet era discada e minha mãe não amava o mIRC tanto quanto eu, já que depois dele as contas de telefone lá de casa tiveram um pequeno aumento. Acontece que o mIRC precedeu todas essas redes sociais que usamos hoje em dia e, mesmo ele sendo velhinho, quase um bisavô do facebook, eu sinto falta dele.

Na época eu usava o nick |^JuLy^| (porque sim, as pessoas podiam enfeitar seus nicks) e meu canais preferidos eram o #jampa (canal da cidade onde muitas vezes fui +|^JuLy^| (era voice do canal mais bombante da cidade porque minha tia era @ – OP), #feirinha e #sobrinhos. Tiveram outros canais que passaram pela minha vida, mas esses três eram os principais.Saudades também do ScoopScript com todas as suas frases de efeito, do PowerPuffGirls com todas as suas cores e de todos as zilhões de variações do mIRC que eu tive, porque eu era viciada sim. Aproveito e deixo aqui a campanha #voltamirc, porque o facebook tá muito chato.

3. Disk MTV
Nos anos 90 a MTV era meu canal preferido. Já falei que eu era louca por música desde criança, então, tá explicado, né?! Dentre os muitos programas da MTV que fizeram parte da minha vida, o que mais marcou foi o Disk MTV, porque eu adorava ver os clipes e ficava por dentro de tudo que tava rolando na cena musical mundial. O programa era exibido de segunda à sexta, às 18h, o que quer dizer que eu chegava da escola, pegava um sanduíche ou toddynho e ninguém me tirava da frente da TV até que eu visse o clipe que estava em primeiro lugar. Se você nunca viu o Disk MTV, clicaqui.

O Disk teve várias apresentadoras e dentre todas, a minha preferida sempre foi Sabrina Parlatore. Gente, que saudade. Cabô Disk, cabô MTV, não tá fácil.

4. Super NintendoApenas o melhor videogame da vida com os melhores jogos! Nunca farão nada como o Super Nintendo, jogar Super Mario no Wii nunca será igual a usar o controle do Super Nintendo que se adequava perfeitamente ao tamanho e formato das minhas mãos.

O Super Nintendo não foi meu primeiro videogame, o primeiro foi o Master System, da SEGA, que vinha com Alex Kid (que eu adorava). Mas depois do Super Nintendo, tudo mudou e eu nunca mais quis outro videogame na vida… e isso é válido até hoje. Temos um playstation em casa e eu… não me importo. Tinha um Wii em casa e também não me importava. O único videogame da vida que me fez brigar por ele ou entrar na fila pra jogar foi o Super Nintendo e ele nunca será superado, nem esquecido!

5. Musicais da DisneyNos anos 90 tivemos nada menos que Bernardo e Bianca, A Bela e a Fera, Aladdin, O Rei Leão, Pocahontas, Toy Story, O Corcunda de Notre Dame, Hércules, O Natal Encantado da Bela e a Fera, Mulan e mais um monte de coisas legais que a Disney fez, mas que eu não lembro. Isso quer dizer que a década de 90 foi, oficialmente, a década em que mais vi filme (ou desenho, chame como quiser) na vida!

Quis a biblioteca da Bela, quis a árvore-avó da Pocahontas, quis ter bonecos vivos, chorei quando o pai de Simba morreu, quis voar no tapete do Aladdin, quis ser Mégara em Hércules, quis ir pra guerra com Mulan e terminar com o bonitão, quis muitas coisas que só a Disney desperta em você. Quis muitas coisas e o que consegui foi decorar todas as letras das músicas desses filmes e foi daí que nasceu o amor verdadeiro pela Disney que me acompanha até hoje.

Obviamente faltaram muitas coisas legais por aqui – como algumas gordices (KinderOvo, chocolate da Mônica, …) -, então me ajudem na sessão nostalgia e me contem qual era a melhor coisas dos anos 90 pra vocês.Discípulas-de-Carrie-Banner